blog

Filtre o conteúdo que deseja ler.

11/02/2021- SEO

« Voltar à listagem

6 dicas para melhorar a velocidade de abertura do seu site

 

 

A velocidade de abertura das páginas web é um dos principais fatores de desempenho de um site. E engana-se quem acredita que se trata apenas de um “detalhe”. Além de perder o usuário que espera demais, seu site corre o risco de não ser indexado adequadamente no Google. Por isso, trata-se de um critério de SEO.

Confira abaixo algumas 6 dicas para você melhorar a velocidade de abertura do seu site.


1. OTIMIZE AS IMAGENS

Certifique-se de que as imagens não sejam maiores do que o necessário. Primeiramente, mantenha-as em um formato bom, como PNGs e JPEGs. As primeiras são melhores para gráficos com menos de 16 cores, enquanto as segundas são ideais para fotografias. Como são compactados para a web, esses formatos já são menores “de origem”.

Além disso, redimensione as imagens em um programa de edição como o Photoshop. Por fim, utilize CSS Sprites, um sistema que permite combinar diversas imagens em um único arquivo. Os sprites CSS integram suas fotos em uma grande imagem que carrega de uma vez. Ou seja, há menos solicitações HTTP, o que significa economia de tempo para o usuário.


2. REDUZA O CÓDIGO DO SITE

Outra redução que pode ser feita no seu site é na estrutura de código. Você pode se livrar de partes inúteis, vírgulas e outros caracteres. Assim, você acaba aumentando a velocidade do site pois há menos material para ser processado. Para isso você pode usar o CSSNano e o UglifyJS.


3. FAÇA A COMPRESSÃO DOS SEUS ARQUIVOS

A compressão é uma forma de diminuir o tamanho dos seus arquivos. Aplicativos como o Gzip permitem a compactação de documentos, diminuindo o peso de seus arquivos CSS, HTML e JavaScript com mais de 150 bytes.


4. UTILIZE O CACHE DO NAVEGADOR DA WEB

As informações armazenadas em cache servem para facilitar o acesso ao site. Os navegadores guardam dados como estilo de fonte, fotos, JavaScript entre outros. Assim, quando o usuário retorna ao site, ele não precisará recarregar tudo de novo.

É possível realizar uma configuração para estabelecer uma data de “vencimento” do armazenamento do site. Ferramentas como YSlow permitem que você selecione um tempo para o cabeçalho do site expirar com todos os dados armazenados em cache. Portanto, você pode colocar o prazo de 1 ano, que é considerado um tempo razoável.


5. REDUZA OS REDIRECIONAMENTOS

Se você possui muitos redirecionamentos em seu site, saiba que isso pode estar causando a lentidão do carregamento das páginas. Isso porque ao redirecionar uma página, é necessário que um ciclo de solicitação-resposta do HTTP seja realizado.


6. AUMENTE O TEMPO DE REAÇÃO DO SERVIDOR

O seu servidor da web possui um tempo de reação que é afetado por diversos fatores. Recursos utilizados nas páginas, a quantidade de tráfego que você obtém, aplicativos utilizados pelo servidor estão entre esses padrões.

O tempo de resposta ideal do servidor é inferior a 200 ms. Para melhorar esse tempo de resposta, procure consertar os problemas que costumam gerar lentidão. Entre eles, os engarrafamentos de desempenho, os direcionamentos, a falta de memória e consultas de origem de dados.


Caso queira ajuda profissional para ter um site rápido, eficiente e de alto desempenho confira nosso trabalho!